Estrutura necessária para a criação de codorna

Atualmente, o agronegócio pode oferecer uma grande variedade de alternativas de investimentos. Entre elas, temos a criação de codorna, que vem se mostrando uma opção altamente lucrativa para aqueles que desejam criar aves.

No entanto, para isso, é preciso ter uma estrutura básica e alguns conhecimentos que irão contribuir para o desenvolvimento de um negócio de sucesso.

A codorna é um animalzinho pequeno, que foi introduzido ao Brasil por volta da década de 50, o que é considerado bastante recente. Ela chegou com os imigrantes asiáticos, visto que a ave é muito consumida lá.

O benefício da sua criação é que ela é prática, com uma excelente possibilidade de ter ótimos ganhos, tanto com a carne da ave quanto com seus ovos.

Uma das principais vantagens em relação à criação de codornas tem a ver com o fato de que são animais de boa frequência reprodutiva. Isso significa que elas colocam ocos com uma ótima frequência, além de chegarem à idade reprodutiva muito rapidamente.

Como benefício adicional, ainda temos a vantagem de que as codornas possuem uma saúde melhor que a saúde das galinhas, visto que possuem uma quantidade menor de hormônios em sua pele e em seus ovos.

Estrutura para a criação de codorna

Sem dúvidas, a primeira coisa que deve ser considerada para quem deseja aprender como criar codornas, é a estrutura necessária para isso, que exige um investimento pequeno.

Normalmente, a indicação para montar essa estrutura é um sítio, casa de campo ou fazenda, onde seja possível construir um galpão de alvenaria. Para abrigar cerca de 2 mil aves, é indicado que a estrutura tenha ao menos 16 mil m².

Mais do que isso, é preciso que a construção tenha uma boa circulação de ar e que a temperatura no interior fique por volta dos 19°C, para não afetar a capacidade fértil desse animal.

Outro cuidado essencial é que o espaço seja coberto, abrigado de sol e chuva, sendo que dentro do galpão as aves devem ser acomodadas em pequenos espaços, como gaiolas de arame ou algo do tipo.

Esse espaço da gaiola deve ter a medida de 1 metro por 30 centímetros e pode abrigar até 15 fêmeas sem problemas. Com esses espaço, elas não vão lutar por território e nem ficar competitivas por alimento.

Mais do que isso, o chão do abrigo precisa ser protegido, visto que as codornas colocam seus ovos no chão mesmo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *